agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
Blogs Vaine Luiz Barreira Gestor de TI e especialista em Segurança da Informação. Professor de graduação e pós-graduação. Perito judicial em Crimes Digitais e Palestrante.
FALE COM O COLUNISTA:

Dicas para viajar com dispositivos móveis

Algumas dicas ajudam você a transportar notebooks, tablets e smartphones com mais segurança
Postado em: 11/07/2017 às 09:38
Autor: Vaine Luiz Barreira

Lembre-se: se o seu equipamento não estiver sob sua supervisão e outra pessoa tiver acesso a ele durante algum tempo, é impossível garantir a segurança da informação.

Isso vale para quando despachamos o equipamento na bagagem ou quando o deixamos no quarto do hotel (os cofres de hotéis oferecem segurança mínima).

Algumas dicas para melhorar a segurança:

  • Criptografe o HD completamente com autenticação de pre-inicialização (isso vale para qualquer dispositivo portátil).
  • Desligue o equipamento, ao invés de deixá-lo "hibernando". Isso impede que chaves de criptografia possam ser recuperadas da memória.
  • Mantenha os dados sensíveis num HD externo e criptografado. É mais fácil manter o HD externo com você o tempo todo. Tenha backup desses dados na nuvem e também com criptografia.
  • Nunca mantenha o notebook e o HD externo na mesma mochila. Se for roubada, perderá ambos.
  • Atualize o sistema operacional e as aplicações de todos os equipamentos antes da viagem.
  • Use um bloqueador de dados caso tenha que carregar seu dispositivo via cabo USB (em locais de carregamento público ou em notebooks de terceiros). Esses dispositivos impedem o tráfego de dados permitindo que apenas os pinos de energia se conectem.
  • Antes de viajar, tenha pronto (e testado) um acesso VPN. Isso irá melhorar a segurança caso necessite usar o equipamento numa rede WiFi pública (como em aeroportos, hotéis e eventos). Mesmo que seja apenas para ver os e-mails ou usar o whatsapp, use sempre VPN em acessos públicos.
  • Tenha um plano caso seu equipamento seja roubado. Como você irá trabalhar nessa situação?

 

São suas informações pessoais e as informações da sua empresa que estão em risco.

Relacionadas

Vaine Luiz Barreira
BLUEBORNE: o perigo que pode chegar via bluetooth
13/09/2017 às 10:18
Vaine Luiz Barreira
Você sabe como funciona a timeline do Facebook?
18/08/2017 às 08:19

Blogs e colunas