agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
Cultura
FALE COM A REDAÇÃO:

“Eu canto minha África” celebra Zumbi interpretando Olhos Coloridos

Coral de crianças e jovens encerra programação com mais uma canção na internet.
Postado em: 20/11/2020 às 10:10
Autor: Redação
“Eu canto minha África” celebra Zumbi interpretando Olhos Coloridos

O coral “Eu Canto Minha África” encerra nessa sexta-feira, dia de Zumbi de Palmares uma série de cinco canções disponibilizadas no YouTube em comemoração a Semana da Consciência Negra. A música escolhida para essa data especial foi “Olhos Coloridos” famosa na voz da cantora Sandra de Sá nos anos de 1980. Veja aqui: https://youtu.be/rgR8i5AhR2M

“Estamos muitos felizes de poder completar essa jornada. A cada dia dessa semana colocamos uma canção inédita do nosso coral na internet. Finalizamos com essa linda música do compositor Macau, que nos cedeu gentilmente o direito a gravação”, explica a regente Nara Dom.

Além da apresentação da música, Nara ainda trará uma surpresa para os fãs, uma “live” com o compositor em seu instagram, que contará a história da música e sua trajetória como ativista dos direitos humanos e sua luta contra o racismo.

Todas as músicas do coral estão disponíveis na plataforma YouTube e podem ser acessadas gratuitamente e reproduzidas pela imprensa.

MACAU, O MESTRE DO FUNK – Além de “Olhos Coloridos”, muitas outras músicas de Macau foram gravadas por interpretes brasileiros como Sanda de Sá, Emílio Santiago, Rosana, entre outros. Esse carioca da Cruzada de São Sebastião, uma favela na cidade do Rio de Janeiro, revela em suas letras a realidade de suas vivências e sua luta e resistência contra o racismo. Macau lançará ainda esse ano mais um disco em parceria com a amiga Sandra de Sá, com quem tem mais de 20 músicas compostas.

Acesse nossas redes:

Instagram – @eucantominhaafrica

Youtube – Coral Eu canto minha África

Site – www.dcastroproducoes.com


O coral de São Carlos foi um dos premiados pelo Governo do Estado de São Paulo através da Secretaria de Cultura e Economia Criativa com o prêmio PROAC Editais. O coral conta também com apoio institucional da Prefeitura Municipal de São Carlos através da Secretaria Municipal de Cidadania, do Centro Municipal de Cultura Afro-Brasileira de São Carlos e da Secretaria Municipal de Educação. O apoio cultural é do Cemac – Centro Municipal de Artes e Cultura.

Ficha técnica: O coral conta com Felipe Côrtes: músico, educador, baixista e compositor, que assumiu a produção musical das canções gravadas em estúdio, Dnize Castro como idealizadora e produtora. A ficha técnica conta ainda com a participação de Dagoberto João Cavaleiro na cenografia, Luciane Sant’Ana nos figurinos e adereços, André Luís Ferreira na fotografia, Adriana Nagazako na assessoria de imprensa, Camila Mendes como designer gráfica, Gil Arruda como hair design, Eder Slim na execução em grafite, Nívia Alves de França Souza como proponente, Gercilene Azevedo da Cunha na assistência de produção e Luana Di Pires na captação de imagens e edição.

Contatos e informações:

DNIZE CASTRO – [email protected]