Apresentações artísticas debatem o feminismo e o empoderamento

Dança, música e contação de história integram programação nos espaços públicos

Compartilhe

Apresentações artísticas debatem o feminismo e o empoderamento
Imagem: Performance "A Comportada", com Geórgia Palomino, está na programação do dia 30 / LucasTannuri

A Secretaria Municipal da Cultura e a Fundart divulgaram os projetos selecionados, por meio do edital, para compor a programação da segunda quinzena em homenagem ao Mês das Mulheres.

Cinco projetos integrarão a programação que começa nesta quinta-feira (23). Contação de histórias, dança, circo, música e performance são as linguagens selecionadas.

A contação de histórias "Antiprincesas: nós podemos ser o que quisermos ser!" abre o programa, com apresentação às 14 horas, na Escola Municipal de Ensino Henrique Scabello, no Jardim Hortênsias. A contação propõe reflexões sobre o universo feminino através de três mulheres e suas artes: Frida Kahlo (a pintora apaixonada pela cultura popular de seus país, suas cores e sua alma), Alice Ruiz (poetiza brasileira que começou a escrever aos 9 anos de idade) e Clementina de Jesus (que frequentou desde cedo as rodas de samba da Portela no Rio de Janeiro).

Mas o que essas três mulheres tão diferentes têm de tão comum? Grandes histórias de vida, obras belíssimas, além de falas e atitudes empoderadas que são verdadeiras lições para aqueles que estão tomando contato com as questões de gênero e o mundo das artes. Todas são artistas revolucionárias.

 

Programação

A programação segue com: espetáculo de dança "Uma trajetória sobre a dança e a descoberta do feminino" (dia 25, às 19h, no CR Feminino), espetáculo de circo com o grupo Cola Shows (dia 26, às 10h, em frente à Horta Comunitária - Jardim Valle Verde), performance "A Comportada" com Geórgia Palomino (dia 30: às 17h30, no Terminal de Integração e às 19h no Museu Ferroviário/Feira Noturna), show musical "Belas, Recatadas e do Lar" (dia 31, às 19h, em frente ao Palacete das Rosas).

Gabriela Palombo, presidente da Fundart, explica que o objetivo das atividades é fomentar a reflexão, o diálogo e a conscientização sobre a condição das mulheres na sociedade atual, especialmente na cidade de Araraquara. "Para isso, dentre os vários aspectos que afetam a vida das mulheres em nossa cidade, priorizamos o tema do 'empoderamento feminino' para nortear os projetos artísticos que devem compor a programação de atividades da Prefeitura Municipal de Araraquara nas celebrações desse mês", aponta.

Vale lembrar que, para a avaliação das propostas, foram considerados os seguintes critérios: enquadramento da proposta dentro do edital; excelência artística da proposta e dos profissionais envolvidos; acessibilidade e viabilidade da proposta; apresentar condições técnicas de acordo com as especificidades dos equipamentos públicos.

 

• Programação:

 

Dia 23/03 - Contação de histórias "Antiprincesas: nós podemos ser o que quisermos ser!"

Local: Escola Municipal de Ensino Henrique Scabello

Jardim Hortênsias

Horário: 14 horas

 

Dia 25/03 – Espetáculo de dança "Uma trajetória sobre a dança e a descoberta do Feminino"

Local: CR Feminino

Horário: 19 horas

 

Dia 26/03 - Espetáculo de circo com o Grupo Cola Shows

Local: em frente à Horta Comunitária - Jardim Valle Verde

Horário: 10 horas

 

Dia 30/03 – Performance "A Comportada", com Geórgia Palomino

Horário: 17h30 – Local: Terminal de Integração

Horário: 19 horas - Local: Feira Noturna

 

Dia 31/03 – Show musical "Belas, Recatadas e do Lar"

Local: Em frente ao Palacete das Rosas

Horário: 19 horas