Assis Furtado lança seu “Caderno de poesia”

Depois do livro de contos Morro da Dezembrada, lançado em 2015, autor assina obra com poemas escritos ao longo de 12 anos

Compartilhe

Assis Furtado lança seu “Caderno de poesia”
Imagem: Marcela Campos

 

A obra literária “Caderno de poesia” (Araraquara: Partesã, 2016), de autoria de Assis Furtado, será lançada no Palacete Esplanada das Rosas na noite desta sexta-feira (10). Na ocasião, o autor vai ler poemas do livro e autografar exemplares. A poetisa Jenifer Saska, que assina o texto de orelha, recomenda a leitura: “Plena de deleites, a leitura do Caderno de poesia nos oferece a possibilidade de navegar pelos poemas indefinidamente — experiência que ilumina o fôlego e a avidez da poética de Assis Furtado. Em alguns momentos, deparei-me com lembranças de um Manoel de Barros, como em um dos versos do poema ‘Beijo’, que rememora a importância de se acreditar na solidez do gesto. Em outros, vi-me recapitulando os heterônimos de Fernando Pessoa perante escritas tão diferentes entre poemas, esboços, anotações de viagem e observações das mais diversas, todos lapidados pacientemente ao longo de doze anos, representando ainda os percalços e os desenvolvimentos da trajetória poética de Assis Furtado.”

Nascido em Duque de Caxias, no Estado do Rio de Janeiro, Assis Furtado vive em Araraquara desde 2004, onde formou-se em Letras pela Unesp e está terminando o mestrado em Estudos Literários, na mesma instituição. Desde 2011 o poeta ministra o Curso de Produção Literária na Casa da Cultura “Luiz Antônio Martinez Corrêa”.

Assis Furtado também é membro do Conselho Municipal de Cultura, que presidiu entre 2013 e 2015 — ano em que publicou seu livro de contos, o “Morro da Dezembrada”, obtendo muito sucesso. Frequentador assíduo de saraus poéticos, organizou, em parceria com Tania Capel, o sarau público “Poesia na varanda”, além de ter participado da produção do documentário “O dia mundial da poesia” (direção de Marcelo Tanisho, produção de Jaqueline Franco) e ter produzido e dirigido a mostra “Dia mundial da poesia” a convite do Museu da Imagem e do Som “Maestro José Tescari”.

O projeto gráfico do livro imita o caderno do próprio autor, no qual esboça suas composições. A fotografia ficou a cargo de Marcela Campos e o poeta Bruno Malavolta dedicou-lhe um prefácio. Os exemplares estão à venda na Livraria Machado de Assis, situada à Av. Brasil 698, mas também poderão ser adquiridos na noite de lançamento, assim como os títulos “Morro da Dezembrada” e “Antologia do Curso de Produção Literária” (valor de cada título: R$ 40,00; estudantes da rede pública estadual terão desconto de 50%).

O evento, que conta com o apoio da Secretaria Municipal de Cultura e Fundart, terá início às 19h00 e tem entrada gratuita. Será servido um coquetel e realizado um sarau poético, em que o público será convidado a ler poesia, inclusive de autoria própria.

 

Serviço:

Lançamento do livro “Caderno de poesia” — com coquetel e sarau poético

Data: 10 de março (sexta-feira)

Local: Palacete Esplanada das Rosas, R. São Bento 794, Centro, Araraquara/SP

Horário: 19h00

Entrada gratuita

Valor do exemplar: R$ 40,00 (desconto de 50% para estudantes da rede pública estadual)