agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
Esporte
FALE COM A REDAÇÃO:

Ex-jogadora da Ferroviária se torna técnica do Athletico-PR

Vice-campeã mundial em 2007, Rosana anunciou aposentadoria na última sexta
Postado em: 24/02/2021 às 20:21
Autor: Redação
Ex-jogadora da Ferroviária se torna técnica do Athletico-PR
Rosana iniciou nesta quarta-feira (24) uma nova etapa na carreira. Foto: Divulgação

Um dos maiores nomes da história do futebol feminino no Brasil, Rosana Augusto iniciou nesta quarta-feira (24) uma nova etapa na carreira. Medalhista de prata (Olimpíadas de 2004 e 2008) e vice-campeã mundial (2007) vestindo a camisa da seleção brasileira, a ex-lateral e meio-campista foi anunciada como técnica da equipe feminina do Athletico-PR.

Rosana anunciou a aposentadoria dos gramados na última sexta-feira (19), aos 38 anos, após defender o Palmeiras na última temporada da Série A1 (primeira divisão) do Campeonato Brasileiro. Defendeu a Ferroviária na temporada 2019, quando integrou o elenco vice-campeão da Libertadores Feminina.

Pelas Gurias Furacão, a ex-jogadora tem como desafio a disputa da Série A2 (segunda divisão) da competição nacional, com início previsto em 16 de maio. A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) ainda não divulgou a tabela do torneio.

Antes de encerrar a carreira de atleta, Rosana se preparava para virar técnica. A ex-lateral possui a Licença C da União das Federações Europeias de Futebol (Uefa), que a credencia a treinar equipes de base no Velho Continente, e as licenças A e B da CBF, que permitem trabalhar com times profissionais e de formação no Brasil. A brasileira também se formou em cursos de gestão, análise de desempenho e preparação física.

Como jogadora, Rosana é a brasileira que mais títulos por clubes femininos. Foram 22, entre eles, duas Libertadores, em 2014 (São José) e 2017 (Corinthians); a Liga dos Campeões da Europa de 2012 pelo Lyon (França), e o Mundial de Clubes de 2014 pelo São José. Ela fez um dos gols do título joseense na decisão com o Arsenal (Inglaterra). Na seleção brasileira, pela qual estreou aos 17 anos, foi bicampeã dos Jogos Pan-Americanos (2003 e 2007).



Relacionadas

Carlos André de Souza
Guerreiras Grenás empatam com o Palmeiras 
18/04/2021 às 21:58
Carlos André de Souza
Guerreiras Grenás estreiam no Brasileiro
17/04/2021 às 22:13

Notícias

Carlos André de Souza
Guerreiras Grenás empatam com o Palmeiras 
18/04/2021 às 21:58
Carlos André de Souza
Guerreiras Grenás estreiam no Brasileiro
17/04/2021 às 22:13