agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
Esporte
FALE COM A REDAÇÃO:

Ferroviária volta a campo pela Copa do Brasil

Locomotiva encara o América-MG nesta terça-feira em Belo Horizonte
Postado em: 24/08/2020 às 23:52
Autor: Carlos André de Souza
Ferroviária volta a campo pela Copa do Brasil
Volante Dener fará sua estreia com a camisa da Ferroviária. Foto: Tiago Pavini/AFE

Depois de quase um mês sem entrar em campo após a eliminação no Troféu do Interior e no Paulistão, a Ferroviária volta à ativa nesta terça-feira (25), na retomada da Copa do Brasil. A Locomotiva enfrentará o América-MG às 19 horas na Arena Independência, em Belo Horizonte-MG, pela partida de volta da terceira fase. O jogo de ida foi realizado em março, antes da pandemia do novo coronavírus, e terminou com um empate por 0 a 0 na Fonte Luminosa. Assim, um novo empate nesta terça-feira levaria a decisão para os pênaltis. 

Antes de da terceira fase, a Locomotiva eliminou o Avaí-SC (vitória por 2 a 0 na Fonte Luminosa) e o Águia Negra-MT (6 a 2 na Fonte Luminosa). Já o América passou pelo Santos-AP (empate por 1 a 1 em Macapá-AP) e pelo Operário-PR (vitória por 2 a 0 em Ponta Grossa-PR). Na próxima fase da Copa do Brasil, os confrontos são decididos por sorteio.


Preparação e desfalques

O time araraquarense, que desde a última sexta-feira (21) se encontra na capital mineira, realiza sua preparação final na Toca da Raposa 2, que é o centro de treinamento do Cruzeiro. O técnico Dado Cavalcanti vem testando as alternativas para compor sua escalação para o confronto desta terça. Sua equipe passa por uma reformulação no elenco e alguns reforços contratados não podem ser escalados, pois já estiveram em campo por outros times na Copa do Brasil, como o meia Salomão, destaque do Águia Negra-MT, além do volante Nando Carandina, do meia Dudu Vieira e do atacante Branquinho, que disputaram a competição pelo Santo André. 

Por outro lado, os outros reforços poderão estar em campo: o zagueiro Anderson Salles, o volante Matheus Salustiano, o volante Dener e os atacantes Felipe Sampaio, Túlio Renan, Bruno Mezenga e Tiago Marques. O ponto forte do time, no entanto, deve ser a base mantida do Paulistão, com destaques como o goleiro Saulo, os laterais Lucas Mendes e Bruno Recife, os meio-campistas Tony e Fellipe Mateus e o atacante Hygor. 


Diferença de ritmo de jogo

Outra dificuldade vivida pelo técnico afeano foi em relação à agenda de jogos-treino. Durante sua preparação, a Ferroviária realizou dois testes, ambos contra times da Série A2 na Fonte Luminosa: venceu o Votuporanguense por 3 a 1 e bateu o Rio Claro por 2 a 0. No mesmo período, seu adversário atravessou uma agenda movimentada pelo Campeonato Brasileiro da Série B e realizou sete jogos, com duas vitórias, dois empates e uma derrota, campanha que o coloca na 6ª colocação da competição que vale o acesso à elite nacional.

Dado Cavalcanti analisou o jogo que pode resultar em uma classificação inédita para a Locomotiva. "Estou feliz por estar vivendo esse momento importante na história da Ferroviária e acima de tudo vejo a equipe bem preparada e focada para esse confronto. Tivemos muito tempo de preparação visando um jogo só, tempo disponível para fazer ajustes, observações e receber novos atletas que não jogaram conosco. Perdemos também alguns outro atletas que estavam conosco no estadual. Nesse período deu para evoluirmos em alguns quesitos. É lógico que o fato de não termos jogos oficiais também trouxe prejuízo em nível de competitividade, mas usamos muito bem esse tempo para preparar a equipe",  explicou.


Adversário com baixas

O América-MG teve sua terça-feira marcada pela apresentação do meia Guilherme, ex-Atlético-MG e Cruzeiro. Ele já treinou com o grupo e aguarda a publicação de seu nome no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF para saber se ficará à disposição para pegar a Ferroviária. Por outro lado, o técnico Lisca perdeu dois atacantes titulares por contusão - Ademir e Felipe Augusto - e desde então tenta encontrar sua formação ofensiva ideal. A escalação, no entanto, será conhecida apenas momentos antes do jogo.


Premiação milionária

Além da vaga na quarta fase, a partida desta terça-feira vale uma premiação que pode dar mais tranquilidade ao caixa afeano neste período de pandemia e queda de arrecadação. Isso porque, quem se classificar após o jogo garantirá um prêmio de R$ 2 milhões. Vale destacar que, na Copa do Brasil, a Locomotiva já faturou R$ 540 mil para disputar a primeira fase, R$ 650 mil para participar da segunda e R$ 1,5 milhão para jogar a terceira. Se avançar nesta terça, sua premiação somada ao longo da campanha irá totalizar quase R$ 4,7 milhões.


FICHA TÉCNICA

AMÉRICA-MG x FERROVIÁRIA
Copa do Brasil - 3ª fase - Jogo de volta (ida: 0x0)
Local:
Arena Independência, em Belo Horizonte-MG;
Data/Horário: Terça-feira, 25 de agosto, 19h;
Arbitragem: Marielson Alves Silva, auxiliado por Marcos Welb Rocha de Amorim e José Carlos Oliveira dos Santos;

AMÉRICA-MG - Matheus Cavichioli; Daniel Borges (Diego Ferreira), Messias, Eduardo Bauermann, João Paulo; Zé Ricardo, Juninho e Alê; Matheusinho, Rodolfo e Léo Passos (Vitão ou Marcelo Toscano). Técnico: Lisca;

FERROVIÁRIA - Saulo; Lucas Mendes, Anderson Salles, Max e Bruno Recife; Dener, Tony e Fellipe Mateus; Jhoninha, Bruno Mezenga e Hygor. Técnico: Dado Cavalcanti.

Clique aqui para conferir a tabela completa da Copa do Brasil 2020.

 

Relacionadas

Carlos André de Souza
Ferroviária bate o Bangu pela Série D
21/10/2020 às 19:58
Carlos André de Souza
Ferroviária pega o Bangu-RJ na Fonte
20/10/2020 às 21:22
Carlos André de Souza
Ferroviária conhece tabela da Copa Paulista
19/10/2020 às 23:22

Notícias

Carlos André de Souza
Ferroviária bate o Bangu pela Série D
21/10/2020 às 19:58
Carlos André de Souza
Ferroviária pega o Bangu-RJ na Fonte
20/10/2020 às 21:22
Carlos André de Souza
Ferroviária conhece tabela da Copa Paulista
19/10/2020 às 23:22