agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
Esporte
FALE COM A REDAÇÃO:

Araraquarense realiza sonho de cruzar o Canal da Mancha

Mário Pinto foi o 29º nadador brasileiro a cumprir uma das travessias mais desafiadoras do mundo
Postado em: 17/07/2018 às 01:15
Autor: Carlos André de Souza
Araraquarense realiza sonho de cruzar o Canal da Mancha
Mário Pinto realizou um sonho antigo de atravessar a nado o Canal da Mancha. Foto: Arquivo pessoal

O último dia 5 de julho ficará para sempre na memória do nadador araraquarense Mário Pinto, de 52 anos, que realizou o sonho de cumprir a Travessia do Canal da Mancha, uma das provas mais difíceis e desafiadoras do mundo.

O Canal da Mancha é um braço de oceano que liga o sul da Inglaterra ao norte da França. O percurso conta com quase 34 quilômetros de água gelada, ventos fortes e outras dificuldades como a presença de águas vivas. Mário superou todos esses obstáculos em 12 horas e 5 minutos e se tornou o 29º brasileiro a cumprir a prova.

“É a realização de um antigo sonho. Desde quando comecei a disputar maratonas aquáticas em 1991, acompanhava brasileiros que estavam tentando esta perigosa travessia, alguns com êxito, outros nem tanto, mas achava algo muito distante da minha realidade. Decidi em 2014 e a partir daí comecei a me informar e a traçar esse objetivo”, destacou o nadador, que também é técnico da equipe Apanara.

Os treinos para a realização de seu sonho foram intensos. A preparação específica para a prova durou quase dois anos. Consistiu de preparação física fora da água de duas a três vezes por semana e treinos de natação que chegaram na fase final a dois períodos por quatro a cinco vezes por semana. Uma nutrição especial também ajudou a suportar os treinos e exames médicos periódicos foram realizados visando o controle da saúde.

O araraquarense relata que além da preparação em termos de treino, alimentação e outros detalhes, a prova exige ainda um projeto financeiro por conta do alto custo. “A travessia do Canal da Mancha exige todo um planejamento à longo prazo, pois é muita cara. Por isto realizei esta única vez como maneira de encerrar minha carreira de maratonista aquático. Geralmente, nadadores que não conseguiram na primeira vez, tentam novamente”, salienta.

Mário aproveita para agradecer a todas as pessoas e empresas que o apoiaram. “Neste desafio, tive o apoio de muitas pessoas, algumas delas estiveram ao meu lado todo o tempo. Quanto ao apoio financeiro, as empresas Graciano Chevrolet, Mackor, Colégio Objetivo, Diretalog Encomendas e o Nucleo de Apoio aos Atletas Paralímpicos (NAAP), equipe a qual represento nesta temporada, colaboraram com um percentual das despesas”, citou o nadador, que aproveitará alguns dias de descanso com a família e em seguida competirá pelo Circuito Paulista de Maratonas, onde buscará seu 20º título estadual.

 

Relacionadas

Redação
Nadadores de Araraquara vencem em Mococa
11/10/2018 às 01:03
Carlos André de Souza
Araraquarense é campeão de ultramaratona aquática
02/10/2018 às 01:23

Notícias

Redação
Nadadores de Araraquara vencem em Mococa
11/10/2018 às 01:03
Carlos André de Souza
Araraquarense é campeão de ultramaratona aquática
02/10/2018 às 01:23