Lutadora de Araraquara conquista título de kickboxing em São Paulo

Ângela Rosa venceu três lutas e sagrou-se campeã do Open Kickboxing 2016

Compartilhe

Ângela Rosa venceu três lutas e sagrou-se campeã do Open Kickboxing 2016
Imagem: Arquivo pessoal

A lutadora araraquarense Ângela Rosa, de 19 anos, sagrou-se campeã da categoria até 56Kg do Open Kickboxing 2016, que foi realizada no último final de semana no Tatuapé, em São Paulo. O torneio, que contou com a participação de várias cidades e estados do Brasil, vale como uma seletiva para o WGP, um dos maiores eventos da modalidade.

A atleta venceu as três lutas que participou. Em seu primeiro desafio, superou Thays Eline, campeã de boxe e vice-campeã de Lookick 2016. Nas semifinais, venceu Geisa Magalhães, que estava invicta e tinha vários títulos em modalidades diferentes no estado da Bahia. Na final, levou a melhor sobre Débora Santos, do Mato Grosso do Sul.

Os últimos resultados de Ângela a colocam entre as melhores lutadoras de kickboxing na modalidade K1 Rules. A partir de 2017, a araraquarense fará parte do quadro de lutadoras profissionais do WGP, que tem transmissão ao vivo na TV onde todos poderão acompanhar suas lutas.

Pai orgulhoso

Ângela é filha do professor Ronildo Soares, o Nildão (foto), da Academia Geração Fight, que se orgulha ao falar da filha. "Realmente ela fez história, entrou no cenário nacional e, se Deus quiser, no mundial, já que o WGP acontece em vários países. Eu, como pai e técnico, acho que falta apoio da prefeitura e de patrocinadores para poder treinar e participar mais dos eventos para manter o ritmo, porque talento e disposição ela já mostrou que tem de sobra", destacou.