agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
Notícias
FALE COM A REDAÇÃO:

Saúde encerra atendimento no dengário

Pacientes com suspeita por continuar procurando as UPAS e as Unidades Básicas de Saúde
Postado em: 14/06/2019 às 16:09
Autor: Redação
Saúde encerra atendimento no dengário

A partir deste sábado (15), os casos suspeitos de dengue passam a ser atendidos nas três UPAs (Unidades de Pronto Atendimento) de Araraquara, localizadas, respectivamente, na região central, Vila Xavier e Jardim Valle Verde. E a partir de segunda-feira, dia 17, também podem ser procuradas as Unidades Básicas de Saúde (em horário normal de atendimento).

Por conta da queda do número de notificações, a Secretaria Municipal de Saúde decidiu encerrar os atendimentos no Polo Avançado contra Dengue (conhecido como 'dengário'), instalado desde o último dia 4 de fevereiro no Cear (Centro de Eventos de Araraquara e região).

Pelas mesmas razões, medida semelhante já havia sido tomada no dia 24 de maio em relação ao Polo da Rua Voluntários da Pátria, no Centro, aberto em 25 de fevereiro por conta da fase mais aguda da epidemia na cidade.

O coordenador municipal de Vigilância em Saúde, Rodrigo Ramos, confirma haver uma grande queda no número de notificações sobre dengue em Araraquara e que, por isso, "as UPAs têm total capacidade para absorver esses atendimentos". Para reforçar a decisão, Rodrigo Ramos aponta que no último dia 5 de junho foram feitas apenas cinco notificações no Polo do Cear; 3 notificações no dia seguinte; 11, no dia 7 de junho; 6, no dia 8; e 2, em 9 de junho.

Ainda segundo o coordenador de Vigilância em Saúde, mesmo antes da abertura dos dois polos avançados, as UPAs já atendiam números maiores de pessoas suspeitas com dengue que os atuais.

 

Mesmas precauções

Rodrigo Ramos reiterou que as orientações seguem as mesmas para os sintomas de dengue, como dores de cabeça, dores no fundo dos olhos e nas articulações, febre e manchas vermelhas pelo corpo e, nos casos mais graves, sangramento nas fezes e urina: "Pode começar em casa com hidratação reforçada, mas imediatamente procurar atendimento médico".

Embora seja comum no inverno diminuir a infestação do Aedes aegypti (mosquito causador da dengue), é muito importante manter as atenções para evitar os criadouros, verificando vasos de flores, calhas das residências e ralos dos quintais, entre outros locais domésticos.

A Prefeitura informou, no entanto, que continua fazendo mutirões aos sábados pela cidade, visando a retirada de materiais inservíveis que servem de criadouros do Aedes. A cidade registra atualmente 12.154 casos de dengue.

Além das Unidades Básicas de Saúde localizadas em vários bairros da cidade, a UPA Central fica na Rua Maria Antonia C. de Oliveira, ou Via Expressa, próxima à Arena da Fonte; a UPA da Vila Xavier, na Rua José do Patrocínio; e a UPA Valle Verde, na Rua João Henrique J. B. Crisci.