agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
Notícias
FALE COM A REDAÇÃO:

Morte de paciente liberado da UPA pode ser investigada

Reginaldo de Souza, 53 anos, morreu em casa horas depois de passar pela UPA da Via Expressa. Homem sofreu infarto
Postado em: 24/01/2021 às 23:26
Autor: Chico Lourenço
Morte de paciente liberado da UPA pode ser investigada
Reginaldo Rodrigues Mendes de Souza tinha 53 anos (Foto: Reprodução/Rede social)

A morte de um homem de 53 anos, em consequência de infarto, dentro de sua residência pode provocar um processo de investigação para apurar se houve negligência no atendimento médico da UPA Central de Araraquara.

Reginaldo Rodrigues Mendes de Souza, 53 anos, foi encontrado morto em sua casa na manhã deste domingo, dia 24, após sofrer infarto. Ele havia sido liberado horas antes pela equipe médica do pronto atendimento. Souza foi assessor parlamentar de Aluísio Boi (MDB) nos dois primeiros mandados do vereador (2009 a 2016).

Segundo informações de uma pessoa próxima, a vítima deu entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Via Expressa às 21h de sábado, dia 23, apresentando fortes dores e, apesar do histórico de doenças cardíacas, hipertensão e renal, o paciente foi liberado por volta de meia noite. “As dores eram tão fortes que deram morfina e, mesmo assim, liberaram”, disse.

Na manhã deste domingo ele foi encontrado morto dentro de casa. A suspeita é que a vítima morreu ainda durante a madrugada. Reginaldo Rodrigues Mendes de Souza morava sozinho e não conseguiu pedir ajuda.

“Falei com o prefeito [Edinho Silva] para abrir uma Sindicância para apurar possíveis responsabilidades nesse caso. Ele tinha muita dor no abdômen e, pelo histórico no prontuário, no mínimo tinham que ter feito ultrassom, um eletrocardiograma, mas não mandar para casa”, disse ao Portal Morada Aluísio Boi, presidente da Câmara Municipal. “Isso não pode acontecer com outras pessoas.”

Reginaldo de Souza morava em Araraquara há cerca de 30 anos. Natural do Ceará, o ex-assessor parlamentar estava morando ao lado da casa da ex-mulher, com quem tinha um filho especial, sua grande paixão, disse uma pessoa próxima. O corpo dele foi enviado para a cidade de Potengi, no Ceará, para ser sepultado.