agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
Notícias
FALE COM A REDAÇÃO:

Conselho de Ética da Câmara decide punir Jeferson Yashuda

Presidente do Legislativo de Araraquara deve ser afastado por 15 dias após uso do carro oficial para consulta médica
Postado em: 26/06/2018 às 16:30
Autor: Chico Lourenço
Conselho de Ética da Câmara decide punir Jeferson Yashuda

O presidente da Câmara Municipal de Araraquara, vereador Jeferson Yashuda (PSDB), deverá ser punido por uso indevido do carro oficial da Casa de Leis. O Conselho de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara, constituído por cinco vereadores, decidiu afastar o parlamentar por 15 dias após uma viagem dele para uma consulta médica no município de Matão com o veículo oficial.

O caso se tornou público depois que uma moradora de Araraquara, que estava na clínica, fotografou o vereador aguardando atendimento usando bermuda, camiseta e tênis.

A denúncia foi feita pelo Jornal da Morada (AM/FM) e confirmada pelo presidente, que na ocasião, justificou a viagem dizendo que aproveitou a data da consulta para entregar ao médico um convite para receber o título de cidadão araraquarense. “Depois ainda participei de uma reunião na Câmara de Matão e, mais tarde, de outra reunião com vereadores em São Carlos”, explicou Yashuda.

O presidente da Câmara tem cinco dias (até sexta-feira) para apresentar sua defesa. A decisão final de afastar Yashuda de suas atividades parlamentares por 15 dias fica para o plenário da Casa.

 

Yashuda

Procurado pelo Portal Morada, o vereador Jeferson Yashuda disse que ficou surpreso com a decisão do Conselho de Ética porque, segundo ele, respondeu aos questionamentos da Comissão e tem certeza que não utilizou o carro com interesse particular. “Eu mesmo pedi para a Conselho de Ética analisar o caso. Jamais usaria o carro para uma atividade particular. Fui ao consultório novo do médico, que é cirurgião, para convidá-lo a receber um título na Câmara. Já pedi desculpas pelo traje, mas não fui para consulta médica”, ressaltou o vereador.