agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
Notícias
FALE COM A REDAÇÃO:

Médico Edson Bergamaschi recebe Título de Cidadão Araraquarense

A indicação foi feita pelo vereador Jéferson Yashuda Farmacêutico; Viagem a Matão provocou polêmica
Postado em: 09/11/2018 às 07:14
Autor: Redação
Médico Edson Bergamaschi recebe Título de Cidadão Araraquarense

Atuando em Matão, mas atendendo muitos pacientes provenientes de Araraquara, o médico Dr. Edson Bergamaschi foi homenageado pela Câmara Municipal de Araraquara, na noite desta quinta-feira (8), com o Título de Cidadão Araraquarense.

Um vídeo com diversos depoimentos de amigos e pacientes agradecidos, entre eles o da garotinha Giovana, que redigiu uma carta de gratidão a Bergamaschi, abriu a solenidade, emocionando o ortopedista.

Autor da indicação, aprovada por unanimidade pelos vereadores, o presidente da Casa de Leis, Jéferson Yashuda Farmacêutico (PSDB), destacou que são inúmeros os depoimentos do ótimo trabalho que o médico realiza. “Tenho a honra de ser o autor desse reconhecimento nesta noite. Foram cerca de 14 mil cirurgias em pacientes de Araraquara. Para nosso orgulho, agora é cidadão araraquarense.”

Representando o prefeito Edinho Silva (PT), a secretária municipal da Saúde, Eliana Honain, enfatizou que não tem recompensa maior que o testemunho de uma criança “resgatada”. “Esse é apenas um dos casos resolvidos por esse grande ser humano. Ele é uma referência em ortopedia para a região de Araraquara, representa aquilo de melhor que o sistema SUS pode oferecer à população. Profissional que se propõe a auxiliar todos que precisam. Quero agradecer todo bem que tem feito por nosso município, que se sente honrado por esse novo filho araraquarense.”

Bastante emocionado, Bergamaschi foi objetivo em seu discurso. “Sinto um orgulho enorme de dizer a todos que sou um cidadão araraquarense. Só tenho a agradecer. A medicina é mais que uma profissão, é uma vida de doação ao próximo. Fiz tudo o que podia e que as condições permitiram. A emoção é muito forte e sinto uma grande felicidade neste momento.”

 

Sobre o homenageado

Edson Bergamaschi nasceu em março de 1953, na cidade de São Carlos, filho de Carlos e Deolinda. Seu pai era proprietário de um posto de combustíveis e pôde proporcionar uma infância tranquila e feliz aos filhos Edson, Carlos e Maria de Cássia.

Aos 17 anos, se mudou para Ribeirão Preto para encerrar o terceiro ano do colégio e junto fez o cursinho. No ano seguinte, ingressava na Faculdade de Medicina. Fez residência e especialização no Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto.

Nesse meio tempo, conheceu sua esposa Suzana, com quem teve quatro filhos: Edson, João Paulo, Mateus e Carlos Tiago.

Começou em 1980, quando foi convidado para implantar o setor de Ortopedia no Hospital Carlos Fernando Malzoni. A equipe, que hoje é referência no país, foi formada por ele. Trabalhou sozinho por cinco anos. O hospital não tinha absolutamente nada.

Já realizou mais de 20 mil cirurgias na carreira, quase mil por mês, e 70% dos seus pacientes são oriundos da Morada do Sol.

Ele tem dois sonhos para a aposentadoria: deixar o hospital cada vez melhor e cuidar dos netos.

 

Viagem a Matão rendeu polêmica

O vereador Jéferson Yashuda (PSDB), presidente da Câmara Municipal de Araraquara, ressarciu os cofres do Poder Legislativo com a quantia de R$ 250, em agosto desse ano, relativas ao custo de uma viagem com o carro oficial entre Araraquara e Matão. O vereador respondeu ao processo da comissão de ética da Casa após ter sido flagrado numa consulta médica com o veículo do Legislativo.

Em junho, quando o Conselho havia decidido por 3 votos a 2 punir o presidente da Casa de Leis com 15 dias de suspensão, por usar o carro da Câmara para uma consulta médica em Matão, a vereadora acompanhou o voto do presidente da Comissão, Lucas Grecco (PSB) e do colega Zé Luiz (PPS). Mas, na quinta-feira, dia 2, resolveu mudar e optou em reduzir a pena para 7 dias de suspensão, levando o processo ao arquivamento, como prevê o Regimento Interno da Câmara.

Em sua defesa, Yashuda alegou que, além da consulta médica, cumpriu agenda de estrito interesse público na cidade de Matão, onde se encontrou com o médico cirurgião ortopedista Edson Bergamaschi – com o qual também se consultou – para tratar dos trâmites para outorga do título de Cidadão Araraquarense e na cidade de São Carlos.