agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
  
agora, no ar:
...
...
Notícias
FALE COM A REDAÇÃO:

Projeto “Bolsa Cidadania” é aprovado por 11 votos a 6

O projeto substitutivo foi apresentado no final da tarde e incluído pelo líder do governo na ordem do dia
Postado em: 22/05/2019 às 01:08
Autor: Marcelo Bonholi
Projeto “Bolsa Cidadania” é aprovado por 11 votos a 6

Na sessão da Câmara Municipal de Araraquara desta terça-feira (21), o polêmico projeto do “Bolsa Cidadania” foi aprovado por 11 votos favoráveis e 6 contrários. Após o início da sessão, o líder do governo, Paulo Landim (PT), incluiu para votação na ordem do dia 03 projetos, o Bolsa Cidadania, uma abertura de crédito de 1,6 milhão e o substitutivo que regulariza o bônus de R$ 120,00 no ticket dos funcionários públicos..

Os vereadores Elton Negrini, Rafael de Angeli, Jéferson Yashuda, José Carlos Porsani, da bancada do PSDB, e Gerson da Farmácia e Elias Chediek, do MDB, votaram contra o Bolsa Cidadania e a abertura de crédito complementar de R$ 1,6 milhão para viabilizar a implantação do projeto e a manutenção dos primeiros 4 meses no período de setembro a dezembro deste ano.

Como sempre, o Plenário e o Plenarinho foram tomados por assessores e comissionados que aplaudiam os favoráveis e esculachavam os contrários. A sessão precisou ser interrompida por 5 minutos e, com ameaças do presidente Tenente Santana (MDB) de cancelamento da sessão, os trabalhos foram retomados e os ânimos contidos.

O principal argumento dos críticos ao projeto é que a trava que não desencoraja a migração de famílias em estado de vulnerabilidade para o município. As alegações levam em conta a capacidade de atendimento de postos de saúde e unidades escolares municipais, além das dificuldades do poder executivo em resolver a vida das famílias do município e as contas municipais que não andam bem das pernas. Por isso, prometem recorrer a justiça após essa aprovação.

Votaram a favor da aprovação deste projeto os vereadores Toninho do Mel, Edio Lopes, Paulo Landin, Thainara Faria, da bancada do PT, Roger Mendes, Juliana Damus do PP, Pastor Raimundo (PRB), Lucas Grecco (PSB), Zé Luiz, Edson Hell (PPS) e Magal Verri (MDB).