InícioDestaque PrincipalAraraquara: cesta básica fica quase R$ 30 mais barata e mantém tendência...

Araraquara: cesta básica fica quase R$ 30 mais barata e mantém tendência de queda em agosto

Desde janeiro de 2023, itens que compõem a cesta araraquarense baratearam mais de R$ 100

A cesta básica araraquarense fechou agosto quase R$ 30 mais barata, uma queda de 3,31% na comparação com o mês anterior, segundo pesquisa do Núcleo de Economia do Sincomercio Araraquara. Em julho, o preço médio da cesta básica local era de R$ 886,49 e, no último mês, passou para R$ 857,13.

No período, três grandes grupos apresentaram queda de preço: alimentação, que possui maior peso no custo total da cesta, e que registrou variação negativa de 3,69%, ou uma queda de R$ 26,08 no preço médio; higiene pessoal, com variação negativa de 0,79%, ou uma economia de R$ 0,86; e limpeza doméstica, com redução de 3,37%, o que significou uma diminuição de R$ 2,43 no custo dos itens.

Também em agosto, os principais aumentos percentuais foram: alho (21,6%); extrato de tomate; linguiça fresca (2,6%); biscoito de maisena (1,3%); e açúcar refinado (1,2%). E os produtos com maior decréscimo percentual foram: batata (-23,9%); feijão carioca (-9,5%); cebola (-7,0%); carne de segunda – acém (-6,7%); e carne de primeira – contrafilé (-4,8%).

A carne de segunda – acém, terceira maior diminuição percentual, foi ainda a responsável pela maior queda em termos monetários, com barateamento de R$ 6,90 no custo médio total da cesta, em razão da diminuição de R$ 1,72/quilo. Na outra ponta, a elevação que mais pesou no bolso do consumidor veio do alho, também o maior aumento percentual, que apresentou acréscimo de R$ 0,91, resultado do aumento de R$ 4,53/dúzia.

Além disso, a batata foi um dos principais destaques entre as quedas de preços pelo segundo mês seguido. Segundo a HORTIFRUTI/CEPEA, este é um comportamento esperado para o período, caracterizado pela intensificação das safras no inverno. “Pelas projeções da entidade, estima-se que, durante agosto, cerca de 27% da área total de cultivo de inverno tenha sido ofertada, o que indica que 53% da safra já foi colhida até agora” o momento”, explica Bernardo Carvalho, pesquisador do Núcleo de Economia do Sincomercio.

Inflação

No acumulado de janeiro a agosto de 2023, a cesta básica araraquarense barateou R$ 100,78 – o que corresponde a 10,52% de redução. Entre os grupos, a alimentação e limpeza doméstica apresentaram deflação de preços, enquanto o de higiene pessoal encareceu. Os produtos de limpeza registraram queda de 6,26%, ou R$ 4,64; os itens de higiene pessoal subiram 4,23%, o equivalente a R$ 4,34; e o grupo alimentação caiu 12,86%, ou R$ 100,48.

Luis Antônio
Luis Antônio
Jornalista. Formado em Ciências Sociais e Letras pela Universidade Estadual Paulista (UNESP). Mestrando em Estudos Literários. Apresentador e editor do Jornal da Morada, da Rádio Morada FM 98,1
Notícias relacionadas
- Anúncio -spot_img

Mais lidas