InícioCidadesCidadeCâmara vota incorporação de R$ 33 milhões liberados pelo governo federal à...

Câmara vota incorporação de R$ 33 milhões liberados pelo governo federal à Saúde

Boa parte dos investimentos vão atender demandas do OP. De outubro de 2023 até agora, foram liberados R$ 108,5 milhões pelo Governo Lula à saúde de Araraquara

A Prefeitura de Araraquara enviou projeto de lei à Câmara Municipal para incluir no orçamento municipal cerca de R$ 33 milhões decorrentes de repasses financeiros do Ministério da Saúde/Fundo Nacional de Saúde à área da saúde do município. A discussão ocorrerá em sessão extraordinária marcada para esta sexta-feira (5).

De acordo com o PL, entre os investimentos, constam cerca de R$ 24,3 milhões nas reformas das Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) da Vila Xavier, do Valle Verde e Central (Via Expressa), e nas reformas dos Centros Municipais de Saúde do Jardim Paulistano, Cecap, Jardim Iguatemi, Jardim Selmi Dei IV e Santa Angelina; Unidades Saúde da Família da Vila Biagioni, Adalberto Roxo, Jardim Brasília, Jardim Marivan, Vale do Sol, Assentamento Bela Vista e Jardim Santa Lúcia II; além da construção de sedes próprias do Centro de Atenção Psicossocial – CAPS II e do Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas – Caps-AD.

Está prevista ainda a destinação de mais R$ 4 milhões em remuneração de serviços contratualizados com o SUS (exames e cirurgias eletivas) e R$ 4.250 milhões a serviços de informatização da rede.

“Fizemos várias reuniões hoje para discussão de projetos dessas obras, porque assim que a Câmara aprovar, já vamos dar encaminhamento. Boa parte dos investimentos vão atender demandas do Orçamento Participativo. Serão ao todo 17 reformas de unidades de saúde, mais as reformas das 3 UPAs e duas novas construções, dos CAPS, totalizando 22 obras. Além de outros investimentos. Isso tudo, além dos recursos liberados do final do ano passado até agora pelo governo Lula; foram 60 milhões de reais em outubro para cirurgias e exames que estavam represadas por causa da pandemia, mais 4,3 milhões de reais em novembro para equipamentos e ambulâncias e mais 11,2 milhões para a Atenção Básica. São 108,5 milhões de recursos liberados para a Saúde somente de outubro de 2023 até agora. Minha gratidão ao Presidente Lula e à Ministra Nísia [Trindade, Ministra da Saúde] por entenderem as demandas da nossa população”, afirmou Edinho, em transmissão nas suas redes sociais, no final da tarde, sobre os recursos.

Luis Antônio
Luis Antônio
Jornalista. Formado em Ciências Sociais e Letras pela Universidade Estadual Paulista (UNESP). Mestrando em Estudos Literários. Apresentador e editor do Jornal da Morada, da Rádio Morada FM 98,1
Notícias relacionadas
- Anúncio -spot_img

Mais lidas