InícioNotíciasGeralMáquinas de escrever em exposição no Museu Voluntários da Pátria

Máquinas de escrever em exposição no Museu Voluntários da Pátria

Museu Voluntários da Pátria apresenta sete máquinas de séculos passados

 

Depois dos computadores, as máquinas de escrever deixaram de estar em evidência, já que o mercado adotou computadores e impressoras como forma mais eficiente para a produção de textos. Porém, uma exposição no Museu Histórico e Pedagógico Voluntários da Pátria traz à tona as antigas “máquinas de datilografia” a partir de segunda-feira, dia 07 de março, com entrada gratuita.

A exposição “Máquinas de Escrever” apresenta sete máquinas estrangeiras que fazem parte do acervo do Museu Voluntários da Pátria. Elas foram fabricadas no período do final do século XIX até o século XX. Além dos objetos, a exposição também apresenta um vídeo de cinco minutos com a história e a evolução da máquina de escrever.

De acordo com a história, a invenção de um primitivo dispositivo de escrever mecanicamente é atribuída a Henri Mill, em 1714. Ainda, o italiano Pellegrino Turri introduziu, em 1808, o sistema de teclado e, posteriormente, o norte americano Carlos Thuber criou um modelo aperfeiçoado, com maior rapidez de escrita, em 1843. Nomes como os do norte-americano Burth, o inglês Jenkins, e o francês Pogrin, também aparecem como colaboradores para o aperfeiçoamento da máquina.

A invenção de um dispositivo mecânico de escrita no Brasil é atribuída ao padre Francisco João de Azevedo, nascido na Paraíba do Norte (atual João Pessoa) em 1827 e falecido em 1888. Ela foi apresentada na Exposição Agrícola e Industrial de Pernambuco, em 1861, e na Exposição Nacional do Rio de Janeiro, no mesmo ano.

As empresas de máquinas de escrever entraram em decadência no início da década de 1990, com a redução da demanda, porque o mercado passou a adotar os computadores e impressoras como alternativa mais eficiente para a produção de textos.

O Museu Histórico e Pedagógico Voluntários da Pátria está localizado na Praça Pedro de Toledo, na altura da Rua Itália com a Av. Duque de Caxias, no Centro de Araraquara. O horário de atendimento é das 12h15 às 17h45, com entrada gratuita.

 

Serviço:

Exposição “Máquinas de Escrever”

Local: Museu Histórico e Pedagógico Voluntários da Pátria (Praça Pedro de Toledo – na altura da Rua Itália com a Av. Duque de Caxias – Centro)

Período: de 07 a 26 de março

Horário de visitação: das 12h15 às 17h45

Grátis

 

Notícias relacionadas
- Anúncio -spot_img

Mais lidas