InícioNotíciasGeralMédico bate em carro de enfermeira e caso termina em violência doméstica

Médico bate em carro de enfermeira e caso termina em violência doméstica

Os dois têm um relacionamento amoroso; Land Rover tombou ao bater três vezes em Corsa
 
Um médico de 33 anos tombou uma Land Rover ao bater na traseira de um GM/Corsa, conduzido por uma enfermeira, no início da noite desta sexta-feira, dia 25. O fato ocorreu na entrada de Araraquara, para quem sai de Gavião Peixoto pela rodovia Dr. Nelson Barbieri.
 
Os dois veículos ficaram danificados, mas não houve ferido. O caso foi registrado na polícia, mas o curioso é que não como acidente de trânsito e, sim, como ameaça, dano e violência doméstica.
 
A enfermeira afirmou ter um relacionamento amoroso com o médico e disse em Boletim de Ocorrência (B.O) que seguia no sentido Gavião/Araraquara e, em determinado momento, a Land Rover bateu três vezes na traseira do seu carro e, em seguida, na lateral pelo lado do motorista. No entanto, o médico perdeu o controle da Land Rover, que tombou na pista. Um segundo médico, que consta como testemunha, confirmou a versão da enfermeira. 
 
O acusado de ter causado o acidente disse que bateu porque o Corsa freou bruscamente na sua frente e, que com o impacto, saiu da pista e, ao retornar, teria batido na lateral do carro da enfermeira.
 
A Perícia foi acionada para o local, sendo os dois carros encaminhados ao pátio. Os envolvidos na ocorrência foram liberados após prestar depoimento.

 

 

Notícias relacionadas
- Anúncio -spot_img

Mais lidas