InícioNotíciasCidadesPolícia investiga morte de vigilante em Américo Brasiliense

Polícia investiga morte de vigilante em Américo Brasiliense

Corpo foi encontrado por colega de trabalho; no local haviam 9 marcas de disparos de arma de fogo, segundo a PM

Por volta de 05h30 da manhã desta quinta-feira (1), um vigilante foi encontrado sem vida em seu posto de trabalho, na cidade de Américo Brasiliense-SP. A vítima, de 34 anos, foi encontrada por um colega de trabalho quando este chegava para a troca de turno.

De acordo com informações do relatório da Polícia Militar, a vítima trabalhava em um local onde são guardadas máquinas e equipamentos de bombeamento de água do DAAE (Departamento Autônomo de Água e Esgoto), de Araraquara-SP.

O colega de trabalho relatou para a PM e para a Polícia Civil que chegou no local, que tem acesso pela SP-255, próximo a Inhumas e encontrou o portão trancado. Ele pulou o portão e encontrou o rapaz aparentemente já sem vida no cômodo de entrada. O homem fez contato com o responsável pela empresa terceirizada, com o socorro e posteriormente, a PM também foi acionada.

O óbito do rapaz foi confirmado e, segundo o relatório da PM, no local foram identificados 9 disparos de arma de fogo, sendo 6 disparos em uma parede e 3 disparos em uma janela de outro cômodo, que, a princípio teriam sido efetuados pela própria vítima. O revólver calibre 38 foi localizado em cima de uma cama no outro cômodo.

Ao lado do corpo foram encontrados 3 invólucros com substância análoga a cocaína e o material foi apreendido.

De acordo com o Boletim de Ocorrência, nada foi levado do local. A moto da vítima estava devidamente estacionada e também não havia sinais aparentes de violência ou de crime.

Os delegados doutor Antônio Carlos da Silva do Plantão Policial de Araraquara e o doutor Jesus Nazaré Romão da delegacia de Américo estiveram no local e a perícia foi realizada.

O corpo do rapaz foi removido pela Funerária Sinsef e o caso, que foi registrado como Morte Suspeita, deve ser investigado.

Notícias relacionadas
- Anúncio -spot_img

Mais lidas