InícioNotíciasGeralCarnaval Para Todos terá show de Neguinho da Beija-Flor

Carnaval Para Todos terá show de Neguinho da Beija-Flor

Show em Araraquara do intérprete da Beija-Flor será na 2ª feira de Carnaval, no Cear

 

Uma das principais estrelas da Escola de Samba Beija-Flor, campeã do Carnaval do Rio de Janeiro de 2015, o sambista, cantor e compositor carioca Neguinho da Beija-Flor será a grande atração do Carnaval Para Todos de Araraquara de 2016.

Com apoio da Hyundai Rotem e Infosys, Neguinho da Beija-Flor se apresentará na segunda-feira de Carnaval, dia 8 de fevereiro, a partir das 22h30, no Cear – Centro de Eventos de Araraquara e Região, com entrada gratuita.

 

Desfiles

Este ano quatro escolas de samba participarão do Desfile do Carnaval Para Todos.

No sábado, 6 de fevereiro, a partir das 20h, adentrarão a Passarela do Samba “Estanislau da Silva”, no Cear: Gaviões do Selmi Dei, Nação Quilombola, Benê do Victório De Santi e Mancha Araraquara.

No domingo (7), às 15h, está programada a apuração das notas e na segunda-feira (8), 20h, as escolas campeã e vice-campeã retornarão à Passarela do Samba. A noite se encerrará com as apresentações de Neguinho da Beija-Flor e, na sequência, da Banda Chega pra Sambar.

 

Biografia

Neguinho da Beija-flor, ou Luiz Antônio Feliciano Marcondes, nasceu em Nova Iguaçu (RJ), em 29 de junho de 1949 e, desde de 1976, é o intérprete oficial da Beija-Flor.

Filho de músico, ganhou um concurso aos dez anos de idade puxando um samba de Jamelão. Dono de voz potente e afinada, estreou como intérprete de samba no bloco Leão de Iguaçu, em 1970, transferindo-se para a Beija-Flor de Nilópolis em 1975, onde criou o bordão “Olha a Beija-Flor aí, gente!”, e continua até hoje no cargo.

O artista lançou seu primeiro disco em 1980. Depois vieram outros, como os sambas-enredo “Os Cinco Bailes da História do Rio” (Silas de Oliveira / Dona Ivone Lara / Bacalhau), “Aquarela Brasileira” (Silas de Oliveira), “Sonhar com Rei Da Leão” (de sua autoria) ou sambas-canção, como “Nervos de Aço” (Lupicínio Rodrigues).

 

Sempre sucesso

Novos êxitos em discos de Neguinho da Beija-flor foram “Ângela” (Serginho Meriti / Alexandre), “Divina” (Alexandre), “Magali”, “Esmeralda” e “O Campeão”, sua composição de maior sucesso, cantada em estádios de futebol (“Domingo eu vou ao Maracanã / Vou torcer pro time que sou fã”).

Em 1991, ganhou o prêmio Sharp de 1991 na categoria “melhor cantor de samba” e é considerado um dos mais carismáticos intérpretes do Carnaval carioca. Em 2005 lançou seu primeiro DVD, na Cidade do Samba, contando com a presença de Sandra de Sá e dos puxadores das escolas de samba.

 

Notícias relacionadas
- Anúncio -spot_img

Mais lidas